domingo, 20 de abril de 2014

#89 | Golfinhos e Tubarões, O Outro Mundo - Tais Cortez

Então gente, hoje não vou ficar com muita simpatia não, já estou palhaço demais na resenha... Vamos adiante!




Sinopse: 


Aos cinco anos, Victoria foi adotada por Ana, presidente de uma indústria de cosméticos, e Greg, um bem-sucedido advogado. Ela não entende por que não se lembra dos verdadeiros pais e não acredita na suposta causa da morte deles. Ao completar quinze anos, estranhas mudanças começam a acontecer. Seus cabelos ruivos escurecem, ela se torna cada vez mais forte e rápida, seus sentidos ficam aguçados e alguns dos seus sonhos passam a ser premonições. Após a visita de um casal peculiar, ela é levada para um mundo desconhecido e único, onde terá que aprender a controlar suas habilidades, frequentando aulas diferentes de tudo o que já viu. Lá ela conhece Alex. A atração entre os dois é imediata, mas ele se recusa a se aproximar de Victoria e de qualquer outro aluno. Ainda assim, o destino se encarrega de uni-los e Alex passa a protegê-la e ajudá-la. O que Victoria não sabe é que ele esconde um segredo que mudará sua vida, e que o passado pode estar mais perto do que eles imaginam...



Número de páginas: 419 | Autora: Tais Cortez

Editora: Chiado | Ano: 2013 | 

Gêneros: Ficção/Romance Nacional | 1ª Edição




Resenha:

Estou participando do 1° Book Tour deste livro, com 5 meninas lindas mais a autora. Recebi este livro no começo deste mês, e estou postando a resenha hoje! Espero que curtam!!!

Victoria é uma garota de 18 anos, que vive com Ana e Greg, seus pais adotivos. Jovem, bonita, encantadora e tudo o que uma menina de 18 anos pode ser, não bastava tudo isso, ela descobre de uma forma inesperada que tem poderes. Agora, imagine comigo, como seria se VOCÊ descobrisse se tem poderes? Vai, boia na maionese mesmo, quero que esta resenha seja interativa. Então poste nos comentários: qual seu super poder? E o que você vai fazer com ele.

Continuando a resenha... Em uma discussão entre Vic, Ana e Greg, ela usa um dos seus poderes e faz com que seus pais sejam projetados contra a parede, causando a destruição de vários móveis, e utensílios da casa. X-MEN (A ORIGEM) Eles nunca se deram muito bem! Seria no mínimo engraçado, ver seus pais igual estátuas grudadas na parede,  com cara de "mais que loucura meu".

Os pais de Vic ligam para um hospício, - prendam essa louca - pelo menos Ana e Greg acreditam ser um hospício. Agora viajem comigo - eu sei que estou parecendo pastor pedindo pra você olhar para o irmão do lado, e repetir algumas palavras sem nexo - e imaginem seus pais chamando os carinhas hospício para você, que baita sacanagem né? (Eu sinceramente acho que estou precisando de um hospício).

Dois professores do "Outro Mundo" - que Ana e Greg acham que são os médicos - chegam a casa de Vic, a professora mostra uma visão à ela. A visão mostra o lugar para onde Victoria irá, como é bonito, confortável e o mais importante, cheio de magia... Ana e Greg ainda crendo que sua "filha" irá para o hospício, ficam felizes por terem se livrado dessa aberração. O que constata que Ana e Greg são dois filhos de profissionais do sexo.

Vic é transportada para o Outro Mundo em uma especie de avião, com um piloto muito louco. Quando chega no castelo, onde os estudantes vivem, ela fica maravilhada, encantada com tudo e todos. Ela irá enfrentar muitos desafios, aulas perigosas, entre outras coisas muito loucas... Uma paixão platônica surgirá meio que "do nada". Mas nem tudo são flores, como toda boa história temos vilões, e segredos mortais.

Uma pequena teoria - Durante a leitura, eu fiquei imaginando, e se Vic foi realmente para o hospício e tudo que aconteceu passasse em sua imaginação? E se Victoria for realmente louca? Reflitam sobre isso...



Minha Opinião: 


Pontos positivos -

* O livro é bem divido em incríveis quatrocentas e dezenove páginas. É o famoso livro cadinho, um pouco de cada coisa, amor, humor, suspense, surpresas, revelações bombásticas e reviravoltas completamente assustadoras... Eu sou bastante eclético, então isso me conquistou um pouco, fazendo o livro subir na escadinha das estrelas do crítico Jonathan. (Acho que estão acendendo alguma coisa aqui, que está afetando meus miolos, se é que me entendem).

* Os personagens tem personalidades muito diferentes, até os dois personagens principais são completamente o oposto um do outro. A autora usou a imaginação na hora de criar cada personagens, e isso também soma pontos para os livro.

* O livro é muito leve, a história parece ser grande, mas você lê rapidamente e os números de páginas não interferem na história. Os detalhes são no ponto certo, nada desse negócio de dois parágrafos descrevendo uma paisagem.

* O final é de tirar o fôlego, muitas reviravoltas, emoção a mil, pessoas quase morrendo, surpreendente e deixando gostinho de quero mais. Eu sinceramente espero um segundo livro, com novos vilões e desafios. Pode ser um spin-off também Tais!!!

Pontos negativos - 

* Semelhanças com histórias famosas, cara isso não pega bem. Não estou falando de plágio ou nada do tipo, mas em algumas partes da para perceber que algumas coisas foram inspiradas em outros livros. Apesar disso não interferir de forma alguma na história, acaba tirando pontinhos para o livro D=...

* Em algumas partes a história se prolonga sem necessidade, algumas cenas monótonas que acabam ficam grandes, que desanima um pouco, mas no final tudo se ajeita...


Edição:


É o primeiro livro que leio da Chiado Editora, veio um pouco surradinho por eu ser o último do Book Tour. A edição é consideravelmente boa, o papel que o livro foi impresso é um pouco diferente, um pouco mais grosso... Diagramação e espaçamento adequados para uma boa leitura. E o miolo não arrebentou - depois de seis leituras - aprendam Novo Século. 



Conheça "O Último Homem do Mundo":




Sinopse: "O último homem do mundo" conta a história de Amanda, uma jovem de dezesseis anos que é matriculada contra sua vontade no Educação de Elite, o colégio interno mais renomado do país, onde apenas os filhos da elite nacional estudam. Sua mãe, uma atriz mundialmente famosa, não sabe como lidar com a filha. Amanda é uma rebelde e tem personalidade forte. Determinada a conseguir ser expulsa, ela é capaz das maiores loucuras. O que ela não esperava era fazer amizades que a farão rever seu plano...e que fosse se apaixonar perdidamente pelo último homem que sua consciência escolheria... (Skoob) Previsão de Resenha: 23/04 (Quarta-Feira)...


A Autora:






Nasceu em Campinas, interior de São Paulo. Formou-se em Relações Internacionais e fez bidiplomação em Economia na FACAMP. Fascinada desde criança por histórias de romance, mistério e poderes sobrenaturais, foi natural que, propondo a si mesmas escrever o livro que gostaria de ler, esses elementos estivessem presentes em sua primeira obra, "Golfinhos e Tubarões - O Outro Mundo."

Links:

Nota:


4/5. Recomendo para todos que gostam de uma boa história. Viaje na imaginação e curta este maravilhoso livro. Não preciso falar mais nada né?

Finalizando por aqui, peço que façam comentários construtivos e procurem saber mais sobre os livros da Tais Cortez (linda). Então gente, por hoje é só. Até a próxima! Ah, e FELIZ PÁSCOA!!!

Jonathan Freitas

24 comentários:

  1. Oi Jonathan, tudo bem?

    Entrei no seu blog, pois estava conferindo novas postagens.
    Achei muito interessante o livro, não gosto de histórias que "tentam" copiar tramas que já funcionaram, isso me desanimou um pouco...


    Traduzindo Sonhos está de layout novo, confere lá!
    http://traduzindo-sonhos.blogspot.com.br/

    Beijoss ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como eu disse, não interfere na história, mas entendo seu ponto de vista =D... Mas vale a pena ler!!!

      Excluir
  2. Estou ansioso pra ler esse livro! Uma pena ele estar disponivel apenas na Cultura, apesar do ótimo serviço de entrega, eles raramente fazem promoções! Gostei da sua resenha interativa cara, bem diferente e respondendo sua pergunta se eu pudesse ter super poderes eu queria ser o senhor do Magnetismo como meu vilão/anti-heroi favorito Magneto, assim eu poderia acabar com uns carros que passam por aqui tocando funk em alto volume (risos) (era pra viajar né?)
    Enfim espero em breve poder resenhar sobre esse livro de mais uma autora nacional de quem estou vendo muitas opiniões positivas!
    Abraço
    Claudinei Barbosa
    http://resenhandoecontando.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viajou bem em Claudinei! hahahaha Que bom que quer ler!!! Resenharei o outro livro dela nesta quarta-feira =D

      Excluir
  3. Oiiii, Jonathan!
    Adorei a resenha...vc eh doidinhoooo!!! rsss dei risada com seus comentários!!! hehe
    Fico feliz q tenha gostado do livro!
    Aguardo ansiosamente a resenha de O último homem do mundo! :D
    Achei mto legal vc ter lido os 2!
    Bjsss
    e sucesso ao blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrsrs Na maioria das vezes não sou assim, mas esses últimos dias estou muito alegre =D Que bom que gostou da minha resenha!!! Fico grato!

      Excluir
  4. kkkkkkkkkkkk adorei a resenha rsrs, também estou participando de um BT deste livro e não vejo a hora de receber e começar a leitura, adorei a capa e fiquei ainda com mais vontade de ler rsrs, Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou (risos). Você vai adorar =D

      Excluir
  5. Oi,
    Eua inda não conhecia esse livro, confesso que já pela sinopse fiquei interessada por ele, sempre que posso participo de Book tours, é ótimo para leitores como nos, sempre tem um opção dessas não é?
    Gostei dessa ideia de resenha interativa, então vamos lá, se eu tivesse um poder seria o de teletransporte, já imagino que em algumas situações puf sumi hehe, sempre quis ter esse..
    Claro né até eu já pensou se tenho uma filha e faz isso comigo, chamo hospício, polícia hehe
    Gosto de livros que fazem isso, deixam o leitor refleti sobre tal situação como aconteceu aqui com você, se tudo passou de imaginação.
    Bom eu gostei da sua opinião a respeito do livro, mesmo tendo essas partes um tanto paradas e diversas semelhanças com outras histórias conhecidas.
    Esse outro também não conhecia.. vou pesquisar mais sobre ele.
    Dica anotada. :)
    Beijos Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por ter gostado =D Gostei também dessa resenha diferente, pra animar vocês... viajarem na maionese rsrs... Anota mesmo hein!!!

      Excluir
  6. Oi Jonathan,
    tudo bem?
    Achei que estava rolando um clima com as meninas do book tour, risos, é brincadeira, peço desculpas, mas entrei no clima da sua resenha. Achei ela super divertida, vamos lá: qual poder eu teria? Eu gostei do poder de saber o que as pessoas estão pensando. Assim, conseguiria saber quem é do bem, e quem não.
    Eu participo do segundo book tour do livro e já li e postei resenha. Eu nem senti quando o livro acabou, a escrita da Tais é muito envolvente, e eu adorei o livro!!!!!!!
    Espero que todo mundo tenha a oportunidade de ler, vale muito a pena.
    Tais, você sabe que torço pelo seu sucesso, parabéns!!!!! Em breve vou ler seu outro livro também.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii, Pri!
      Obrigada pelo carinho!!!
      Agradeço mto!
      Fiquei feliz por ter se sentido assim e gostado da minha escrita! É um grande prazer ler isso!
      Espero q OUHM conquiste seu coração...o Jonathan gostou mto...até mais do q de GET!
      Bjss

      Excluir
    2. Hahaha, não, clima nenhum, sou comprometido rsrsrs... Poder de uma das personagens do livro. Fico feliz que você tenha entrado no clima da resenha!

      Excluir
  7. Oi Jonathan.
    A história tem mais pontos positivos que negativos, e isso me empolgou, mesmo que tenha semelhanças com outras histórias, se a autora soube trabalhar e desenvolver a narrativa pra mim já vale.
    Como joguei Second Life um bom tempo, com certeza o poder que eu gostaria de possuir é o teletransporte: imaginar um lugar, uma cidade, um país e num piscar de olhos estar lá, que maravilha seria rsrs.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que ficou empolgada, espero que leia! Um poder bom o do teletransporte...

      Excluir
  8. hahaha... nunca tinha ouvido falar de livro cadinho!! Adorei a definição!! Gosto disso em um livro, ter um pouco de cada coisa.

    Isso de ter algumas coisas que dá pra ver que foram inspiradas em outros livros não me incomoda não... desde que sejam coisas que me agradem!! rs...

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ju, eu que inventei isso, estava muito inspirado, mentira, sou maluco mesmo... rsrs Também não me incomodo.

      Excluir
  9. Olá, tudo bem?
    Menino do céu me diverti pra caramba lendo a sua resenha de verdade rsrsrsrsrs. Eu gostei muito do livro O Ultimo Homem do Mundo da Tais... Mas falando de Golfinhos e Tubarões estou super ansiosa, participo de um book tour também com a autora e serei a ultima tb. Pela premissa que li por aqui parece-me que o livro é bem legal e se eu tivesse o poder queria muito poder ler mentes e saber o que as pessoas pensam ou sentem rsrsrsrs. Xero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ler mentes também, eita povo que quer saber o que os outros estão pensando hein, hahahahaha, brincadeira...

      Excluir
    2. Olá
      Antes de mais nada eu leio mentes e isso já faz tempo (sim, até aqueles aplicativos de super herói sabem desse fato da minha vida). Achei o livro interessante, mas eu não sei se leria, essa coisa de se parecer com histórias já antes criadas é meio chato, embora hoje em dia nada se crie e tudo se copie (não estou dizendo que essa foi uma história copiada) porém (eu ainda não li o livro vou falar isso com base no que eu li na resenha) mas poderia oferecer um outra abordagem.

      Abraço!
      www.umomt.com

      Excluir
  10. Oi Jonathan, tudo bem?

    Amei a sua resenha, dei muita risada. Gosto sempre do bom humor. Um dos meus dons é ter uma sensibilidade muito aguçada, às vezes consigo ajudar as pessoas, mas não gosto muito dessa sensibilidade, pois temo ver ou sentir coisas que não sejam legais para as pessoas envolvidas, bom coisas de Tânia. rs Mas se este poder fosse muito intenso, gostaria muito de colocar os políticos no lugar da população em geral para sentirem na pele o que passamos com a falta de compromisso e comprometimento deles que legislam em casa própria e o país junto com seus habitantes indo para o brejo.

    Ainda não conhecia o livro e como gosto muito de livros que um pouco de cada tema, fico bastante motivada a ler esta obra.

    Bjs
    Tânia Bueno
    http://facesdaleiturataniabueno.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Querido!

    Amei sua resenha e o modo que ressaltou os pontos positivos e negativos! Eu não esperava que fosse tão grosso o livro, mas se vc diz que a gente lê rapidinho eu acredito!
    Eu não conheço os livros da autora, mas já vi bastantes elogios quanto a eles! Parabéns pela resenha e parabéns para a autora!

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Já ouvi falar da autora algumas vezes, me falaram bem dos livros dela. Os dois parecem interessante, mas Golfinhos e Tubarões não está entre o que estou no clima de ler atualmente. Já "O Último Homem do Mundo" é algo que me interessou bastante!
    Beijos e boas leituras!

    ResponderExcluir
  13. Olá Jonathan. Tudo bem?
    Não gostei da temática não, principalmente pelo título. Coisas marinhas não fazem meu tipo, haha.

    Beijo

    ResponderExcluir