sábado, 21 de dezembro de 2013

#74 | Quebra de confiança - Harlan Coben

Olá meus queridos blogueiros e leitores, como estão?
Bom, como já deu para perceber eu vim apresentar a vocês o livro Quebra de confiança, do Harlan Coben, e falar um pouco do que eu achei do livro. Antes de tudo, já vou agradecendo às garotas do Clube das 6, por me convidarem a participar do Book Tour que elas estavam organizando sobre esse livro, e como eu nunca tinha lido nada do autor eu resolvi aceitar o convite delas e, bom, eu posso dizer que eu não me arrependi.

Sinopse:


No primeiro caso de Myron Bolitar, Harlan Coben nos faz mergulhar na indústria do sexo e nos negócios escusos por trás da contratação de grandes atletas. Este é um momento importante na carreira de Myron Bolitar. Depois de agenciar alguns atletas pouco conhecidos, ele agora é o empresário de Christian Steele, a maior promessa do futebol americano de todos os tempos. Talentoso, bonito, centrado e carismático, tudo indica que o rapaz também poderá arrematar milhões em contratos de publicidade.
Mas, ao mesmo tempo que vive o auge na carreira, Christian enfrenta um drama na vida pessoal. Um ano e meio atrás, sua noiva, Kathy Culver, desapareceu subitamente e, exceto pelos fortes indícios de que tenha sofrido uma agressão sexual, a polícia não conseguiu descobrir nada sobre sua última noite no campus da Universidade Reston.Prestes a ser contratado em uma negociação que pode ser a maior de todos os tempos em sua categoria, Christian recebe o exemplar de uma revista que traz a foto de Kathy em um anúncio de disque sexo. Além disso, o caso acaba de ganhar mais um ingrediente de terror: três dias atrás, Adam Culver, pai dela, foi morto em um assalto bastante suspeito.Agora, com a ajuda de Win, seu melhor amigo, Myron tentará impedir que as notícias sobre a ex-noiva de Christian atrapalhem a carreira do rapaz e irá em busca da verdade – doa a quem doer.


Resenha:



Antes de ler o livro eu conversei com alguns fãs do Harlan Coben, que me falaram que esse é um dos melhores livros que ele escreveu é o Quebra de Confiança – depois de saber disso eu fiquei muito ansioso para começar a desfrutar tudo que o livro estava disposto a me proporcionar, até que... eu comecei a ler. Depois que comecei a ler o livro tive uma impressão bem diferente do que as pessoas me falaram... 

O meu maior problema com livros do gênero de suspense é que logo na metade – ou antes  do livro eu já tenho quase certeza do final do livro, ou seja, eu termino solucionando problemas antes do próprio personagem, e isso perde a graça do livro. Para eu gostar de um livro de suspense ele tem que ser muito bom, porque é muito chato você ler um livro e não ser surpreendido em nenhum momento. 


Antes de falar da história já adianto uma coisa, o livro não é ruim, eu só não gostei muito porque eu já tinha uma ideia de como era o final, e eu estava certo, mas o livro não é ruim!



Bom, Quebra de Confiança é a primeira aventura do Myron Bolitar ( hoje em dia o autor já lançou outros livros independentes usando esse personagem, mas se eu fosse continuar a ler os livros dele eu leria em ordem cronológica, eu prefiro assim).



Myron Bolitar está com uma carreira de empresário de um jogador de futebol americano muito famoso, Christian Steele, que é um dos melhores de todos os tempos. E além de está com um contrato com esse jogador, Myron está quase garantindo  com contrato com um dos maiores times do futebol americano  dos Estados Unidos.



Perto de fechar contrato o Christian Steele recebe uma encomenda que não está dizendo quem mandou, e quando ele abre o pacote há uma revista pornográfica dentro, e nessa revista tem uma foto de sua antiga namorada – que desapareceu a mais de um ano e foi considerada como morta ,  como se fosse um tipo de propaganda de mulheres de programa. Imediatamente Christian liga para Myron, porque ele sabe que se as pessoas chegarem a ver essa revista pode sobrar para ele. Christian pede para Myron fazer segredo quanto essa revista, e pesquisar sobre essa tal "sobrevivência" de sua antiga namorada.



Christian não é a única pessoa a pedir ajuda, porque a Jessica Culver, a irmã da ex-namorada de Myron, está de volta a cidade, e não está acreditando no que os policiais estão falando sobre a morte de seu pai que ocorreu a três dias atrás, dizendo que seu pai morreu por causa de um assalto que não deu certo. Como a Jessica é muito esperta, ela tem certeza de que o seu pai foi assassinado, e esse assassinato tem alguma coisa haver com o desaparecimento de sua irmã a mais ou menos um ano atrás.



Mesmo não tendo provas que dessem para juntar esses dois acontecimentos maléficos, o Myron não desiste de maneira alguma, e começa a investigar com tudo. O Myron conta com a ajuda de seu amigo Win, do policial  Jake Courter, Jessica, que quer descobrir tudo que aconteceu com sua irmã e... eu acho que estou esquecendo mais alguma pessoa mas agora não consigo me lembrar. Desculpa!



É basicamente isso, a parti daí a investigação flui que é uma beleza, li o livro todo em dois dias, e tenho quase certeza de que o relerei após terminar essa resenha! HaHaHa 



Enfim, a edição é bem legal, como eu fui um dos últimos a receber o livro ele ficou meio acabadinho mas nem é pra tanto. Capa resistente, folha amarelada, boa diagramação e tem orelhas.



Nota:




Bom, espero que tenham gostado.



Att,

Lazaro.



3 comentários:

  1. Que pena que você não gostou tanto como eu...
    Na minha opinião ele é o THE BEST!!!!!
    Super Beijo
    Gio - Clube das 6
    www.clubedas6.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu adoro Harlan Coben, mas ainda não li esse livro que é o primeiro caso do Myron Bolitar que é um personagem incrível e tem um humor bem particular.
    Também acho uma pena que você não gostou tanto da leitura, mas dê mais uma chance para o autor, tá, leia outros livros, o Harlan tem livros independente que não tem relação com a séria Myron Bolitar.

    Abraços.

    Rogério Queiroz - Uma dose de palavras.
    http://uma-dose-de-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ainda não li Harlan Coben, mas o Rogério (esse daí de cima mesmo hahaha) vive vangloriando o bichinho, vou tentar dá uma chance em 2014.
    Ainda não li algum livro de final previsível, mas é pq eu n paro para ficar bolando o final, eu simplesmente vivo aquele momento presente da leitura, oq facilita e deixa tudo apaixonante.
    Super Abraço, Victor Rosa
    encantosparalelos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir